“Paraíba” morre após discutir com funcionários e ser esfaqueado em Umuarama

Informações coletadas pelos policiais da PM no local são de que “Paraíba” se envolveu em uma discussão com alguns de seus funcionários por acerto de contas de trabalho.

Por jurandanews em fevereiro 9, 2020

Equipes de socorristas e da Polícia Militar (PM) de Umuarama foram acionadas na noite de sábado (8) para atender uma ocorrência em que um homem havia sido esfaqueado. Conforme relatório da PM, era por volta das 19h30 quando a equipe Radiopatrulha do 25º Batalhão foi até a Avenida Parigot de Souza para o atendimento da ocorrência de vias de fato.

No local, os policiais constataram que um homem, Michel Lopes de Oliveira, 31 anos, conhecido popularmente por “Paraíba”, havia sido ferido por objeto contundente (faca), o nome do estabelecimento não foi informado pela PM.

“Paraíba” tentou fugir dos seus agressores e correu até a Rua José Roberto Janeiro. Nas proximidades do imóvel de número 4488 ficou caído sobre a calçada.

Os PMs acionaram o Corpo de Bombeiros, diante dos fatos a equipe acionou o Siate, que encaminhou “Paraíba” até o Hospital São Paulo, porém ele não resistiu aos ferimentos e veio a falecer por volta das 23 horas.

Informações coletadas pelos policiais no local indicam que a vítima se envolveu em uma discussão com alguns de seus funcionários por acerto de contas de trabalho e durante o desentendimento houve as agressões e lesões graves. Os agressores seriam do município de Juranda, fugiram do local utilizando um veículo Toyota/Corolla da vítima e abandonaram o carro na Avenida Ângelo Moreira da Fonseca. Foram realizadas diligências com intuito de localizar os autores do homicídio, porém sem êxito.

“Paraíba” havia se mudou a pouco tempo para Umuarama, onde trabalhava com “ferro velho”, foi morto com cerca de 15 golpes de faca, na cidade de Umuarama, para onde havia se mudado a cerca de 2 meses.

Em Juranda, “Paraíba” foi até recentemente proprietário de um restaurante que funcionava anexo ao Hotel Ivan e uma Revenda de Gás. Em Umuarama, Michel atuava no comércio de ferro-velho, com veículos e motos, para desmanche. Michel Lopes de Oliveira, 31 anos era casado e pai de duas filhas – uma adolescente e outra com 4 anos.

O seu corpo foi liberado pelo IML de Umuarama para translado por volta das 11 horas para os serviços fúnebre. O seu velório será realizado na Capela Mortuária Municipal e deverá ter início por volta das 16H:30, o seu sepultamento acontecerá nesta segunda-feira (10), no Cemitério Municipal em Juranda, o horário será definido pelos familiares ainda.

O caso deve ser investigado pela Polícia Civil de Umuarama.

Fontes: O Bemdito, Tribuna da Região e Polícia Militar

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta