18.5 C
Juranda
sábado - 20 abril - 2024
HomeDestaquesEm noite histórica, Juranda apresenta de projeto de Turismo "Ponto Paraná" para...

Em noite histórica, Juranda apresenta de projeto de Turismo “Ponto Paraná” para empresários e comunidade

Inspirado em um projeto japonês utilizado pela província-irmã do Paraná, Hyogo, no Japão, o Ponto Paraná vai concentrar em um único lugar instalações para descanso, informações, promoção da gastronomia e comércio regional. Desenvolvido pela Invest Paraná, serão 19 pontos turísticos no estado, sendo o primeiro – e piloto – construído em Juranda, às margens da BR-369.

Uma nova conquista para Juranda! Autoridades, representantes do Governo Estadual, prefeitos, representantes das secretarias de Cultura e Turismo da Comcam, comunidade e empresários estiveram reunidos em Juranda para o lançamento do projeto Ponto Paraná.

Inspirado em um projeto japonês utilizado pela província-irmã do Paraná, Hyogo, no Japão, o Ponto Paraná vai concentrar em um único lugar instalações para descanso, informações, promoção da gastronomia e comércio regional. Desenvolvido pela Invest Paraná, serão 19 pontos turísticos no estado, sendo o primeiro – e piloto – construído em Juranda, às margens da BR-369.

Para a prefeita do município, Leila Amadei, esse é um projeto importante que vai trazer crescimento e desenvolvimento, geração de emprego e renda não só para Juranda, mas para toda região da Comcam (Comunidade dos Municípios da Região de Campo Mourão).

Para realização do Ponto Paraná no município, professores e membros do Núcleo Interdisciplinar de Gestão Pública da UEL (Universidade Estadual de Londrina), realizaram uma análise de viabilidade mercadológica e análise de viabilidade econômico-financeira, como explica Saulo Fabiano Amâncio Vieira, professor do Departamento de Administração da UEL: enquanto equipe técnica, nós elaboramos um conjunto de estudos e hoje apresentamos a viabilidade mercadológica e econômico-financeira que o empreendimento vai ter no município.

Dos 19 pontos que serão construídos no Paraná, três cidades foram escolhidas para dar início ao desenvolvimento do projeto. Através do trabalho do Deputado Estadual Artagão Júnior (PSD) junto com o Governo do Estado, Juranda entrou para lista como quarta cidade e hoje tornou-se o piloto desse projeto. O deputado ressaltou: ao terem conhecimento do projeto Ponto Paraná, Leila e Joelma pediram que começássemos a trabalhar junto com o governo do estado a possibilidade da inclusão do município. Inicialmente, três cidades foram selecionadas para receber o projeto e Juranda foi inclusa como a quarta. Com a capacidade administrativa da Leila e da Joelma, com a organização, perseverança e a nossa interlocução ao governo, saímos da quarta posição e passamos a ser o primeiro, sendo o município mais adiantado em relação a implantação desse projeto.

A construção do Ponto Paraná marca uma nova história para Juranda. Além da geração de empregos e desenvolvimento, o turismo ganha força na região. Para Raquel Lage Tuma, Coordenadora do Curso de Turismo da Unespar (Universidade Estadual do Paraná) Campus Campo Mourão, o ponto de parada em Juranda ajuda a trazer o desenvolvimento regional para toda região da Comcam, fazendo com que dê um suporte aos turistas que passam pela região para que eles possam conhecer os diferentes atrativos que tem em cada cidade.

Depois de dois anos de reuniões, viagens e muito trabalho no município, esse momento é especial para os jurandenses, comenta a vice-prefeita, Joelma Demeneck: conseguimos trazer os empresários e investidores para conhecer o projeto e ver a viabilidade apresentada pelos representantes do estado. Além disso, o Ponto Paraná vai trazer muitos benefícios para todos os moradores de Juranda.

Confira as entrevistas do Bera Cast durante o evento

Fonte: Portal do CidadãoVídeo: Bera CastFotos: Marcos Camargo e Marilda Mendes

OUTRAS NOTÍCIAS